Tarifas

Disponibilizamos aqui as tarifas do gás natural por segmento, assim como as fórmulas utilizadas nos cálculos. O preço do produto é regulado pela Agência de Regulação de Serviços Públicos do Espírito Santo (ARSP).

A Petrobras Distribuidora S.A. informa aos consumidores que entrou em vigor no dia 01 de janeiro de 2018 a tabela de tarifas de gás natural canalizado, decorrente do novo Contrato de Suprimento entre a Petróleo Brasileiro SA - PETROBRAS e esta Concessionária. O reajuste no preço da molécula do gás foi de 11,75%, gerando um impacto na tarifa média de 9,59%.

A homologação do reajuste fora publicado pela Agência de Regulação de Serviços Públicos do Espírito Santo (ARSP) em 02 de janeiro de 2018 no Diário Oficial do Estado do Espírito Santo e a nova tabela consta na Decisão ARSP/DE n° 003/2017, disponível no site da Agência.

Os valores não incluem ICMS, PIS e COFINS, e serão aplicados conforme a legislação vigente.

SEGMENTO RESIDENCIAL - Medição individual
Classe Volume mensal (m³) Valor fixo (R$) Valor variável (R$/m³)
1 0 a 8 15,46 -
2 8,01 a 16 3,74 1,7735
3 16,01 a 55 1,81 1,8938
4 Acima de 55,01 - 1,9314

 

SEGMENTO RESIDENCIAL - Medição coletiva
Classe Volume mensal (m³) Valor fixo (R$) Valor variável (R$/m³)
1 0 a 15 33,18 -
2 15,01 a 60 4,70 2,0292
3 60,01 a 200 5,60 2,0141
4 200,01 a 500 11,61 1,9840
5 Acima de 500,01 19,13 1,9690

 

SEGMENTO GNV - GÁS NATURAL VEICULAR
Valor fixo (R$) Valor variável (R$/m³)
2.195,41 1,1470

 

SEGMENTO INDUSTRIAL
Classe Volume mensal (m³) Valor fixo (R$) Valor variável (R$/m³)
1 0 a 1.000 40,41 1,9630
2 1.000,01 a 5.000 413,61 1,5898
3 5.000,01 a 50.000 2.076,11 1,2573
4 50.000,01 a 300.000 3.286,11 1,2331
5 300.000,01 a 500.000 8.176,11 1,2168
6 500.000,01 a 1.000.000 16.276,11 1,2006
7 1.000.001 a 10.000.000 24.376,11 1,1925
8 Acima de 10.000.001 245.376,11 1,1704

 

SEGMENTO COMERCIAL
Classe Volume mensal (m³) Valor fixo (R$) Valor variável (R$/m³)
1 0 a 200 33,18 1,7434
2 200,01 a 1.000 4,61 1,8863
3 1.000,01 a 5.000 102,35 1,7886
4 5.000,01 a 15.000 252,72 1,7585
5 Acima de 15.000,01 1.718,84 1,6607

 

SEGMENTO COGERAÇÃO E CLIMATIZAÇÃO
Classe Volume mensal (m³) Valor fixo (R$) Valor variável (R$/m³)
1 0 a 15.000 308,85 1,1819
2 15.000,01 a 45.000 492,35 1,1696
3 45.000,01 a 300.000 1.501,62 1,1472
4 300.000,01 a 900.000 4.437,68 1,1374
5 900.000,01 a 3.000.000 15.723,14 1,1249
6 Acima de 3.000.000,01 48.142,08 1,1141

 

SEGMENTO MATÉRIA-PRIMA
Classe Volume mensal (m³) Valor fixo (R$) Valor variável (R$/m³)
1 0 a 300.000 5.989,49 1,1560
2 300.000,01 a 900.000 12.439,49 1,1345
3 900.000,01 a 3.000.000 31.159,49 1,1137
4 3.000.000,01 a 15.000.000 42.559,49 1,1099
5 15.000.000,01 a 60.000.000 179.059,49 1,1008
6 Acima de 60.000.000,01 485.059,49 1,0957

 

SEGMENTO TERMOELÉTRICO (1)
Classe Volume mensal (m³) Parcela de Reserva de Capacidade - PRC (R$/mês) Parcela de Uso da Capacidade - PUC (R$/m³)
1 0 a 15.000 2.946,03 0,1650
2 15.000,01 a 45.000 3.234,68 0,1458
3 45.000,01 a 300.000 4.831,68 0,1103
4 300.000,01 a 900.000 9.463,69 0,0949
5 900.000,01 a 3.000.000 26.989,26 0,0753
6 3.000.000,01 a 9.000.000 78.494,38 0,0582
7 9.000.000,01 a 15.000.000 122.166,97 0,0447
8 15.000.000,01 a 30.000.000 132.296,98 0,0370
9 30.000.000,01 a 60.000.000 145.872,24 0,0277
10 Acima de 60.000.000 208.388,92 0,0194

 

Nota 1: Os valores desta tabela não incluem os tributos ICMS, PIS, COFINS. Para cálculo do Uso da Capacidade (R$/m³) é necessário considerar o custo de aquisição do gás natural vigente à época.

A Fórmula de Cálculo da Margem é:
MD = PRC + (PUC X CM), onde:
MD = Margem de Distribuição;
PRC = Parcela de Reserva de Capacidade;
PUC= Parcela de Uso da Capacidade, aplicada na mesma faixa definida no PRC;
CM = Consumo Mensal Medido em m³.

A Quantidade Diária Contratada (QDC) definirá em que faixa de volume será aplicada a tabela.

A Formula de Cálculo da Tarifa é:
TG = PS +MD, onde:
TG = Tarifa do Gás, ex-tributos e encargos financeiros;
PS = Parcela do Supridor vigente à época;
MD = Margem de Distribuição.
Serão ainda adicionados os tributos ICMS, PIS, COFINS, nas alíquotas vigentes à época

Observações gerais:
Os valores são relativos ao Gás Natural nas seguintes condições:
Poder Calorífico Superior a 9.400 kcal/m³;
Temperatura a 20°C;
Pressão de 1atm;
O valor fixo das tarifas contido nesta resolução refere-se ao consumo mensal.

 

Saiba mais
Visite o site da Agência de Regulação de Serviços Públicos do Espírito Santo (ARSP)

 


VEJA TAMBÉM